Um olhar importante sobre a saúde mental durante a pandemia

Cuide-se com as dicas da Anasps

 

A pandemia do novo coronavírus impactou a saúde mental da maioria das pessoas. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o país que apresenta maior prevalência de depressão na América Latina, e é também o país com a população mais ansiosa do mundo.

A saúde mental de uma pessoa está relacionada à forma como ela reage às exigências da vida e ao modo como harmoniza seus desejos, capacidades, ambições, ideias e emoções. Ter saúde mental é estar bem consigo mesmo e com os outros, saber lidar com suas emoções e, principalmente, com as desagradáveis e saber reconhecer seus limites. 

Os principais problemas de saúde mental são: ansiedade, mal-estar psicológico, depressão, dependência de álcool e drogas, e perturbações psicóticas. E, neste cenário anormal, está propício para as pessoas apresentarem alguns desses sintomas. 

Diante das sensações de medo, ansiedade e incertezas provocadas pela pandemia, a Anasps listou algumas dicas para cuidar da sua saúde mental: 

Descansar 

Tente dormir 8 horas por dia. O sono regular interfere diretamente no equilíbrio emocional. 

Tirar um tempo para você 

Faça atividades que não fazem parte da sua rotina, como assistir um filme, ler um livro, aprender algo novo, ouvir música, entre outros. 

Fortaleça seus contatos 

– Converse com amigos e família por mensagens, ligações ou videochamadas podem aliviar sensações ruins e servem como rede de apoio. 

Desconecte das redes sociais 

Se você está se sentido sufocado com as notícias ruins, ficar um tempo longe das redes sociais pode ajudar. 

Evite procrastinar 

– Adiar as tarefas da rotina está enraizado na maioria das pessoas, mas não deixe para depois o que você pode fazer no momento, criar um planejamento pode ajudar contra a procrastinação.  

Previdência Social