Entidades de servidores enviam pedido orçamentário ao Senado

Entidades representativas dos servidores públicos federais da Educação enviaram, na última segunda-feira (10), um ofício ao senador Confúcio Moura (MDB-RO), relator do Projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2025.

No documento, a categoria elenca algumas das demandas a serem abordadas antes do debate orçamentário marcado para a próxima quarta-feira (12), com a presença da ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet.

“Pontos importantes, como ferramentas para que os técnicos alcancem o teto da carreira (RSC – Reconhecimento de Saberes e Competências) e correções de distorções internas de remuneração, que tiveram parecer favorável no relatório desse grupo de trabalho, não foram incluídos na estrutura proposta pelo governo. Por fim, na última mesa de negociação, o governo apresentou uma proposta insuficiente que mantém o reajuste de 0% nos salários em 2024, 9% em 2025 e 5% em 2026, que não atende a maioria das reivindicações que constam na pauta de demandas da categoria”, afirma um trecho do documento.

Previdência Social